Terça-feira, 17 de Julho de 2018
Trade
Aplicativos de entretenimento podem ser úteis durante viagens
Imagem do Artigo: Aplicativos de entretenimento podem ser úteis durante viagens

By Rose de Almeida

Em época de conectividade, até na hora de arrumar a mala para viajar é preciso pensar em alguns acessórios que podem ajudar no entretenimento, como os aplicativos. Entre eles o Ubook, primeiro serviço de assinatura de audiolivros por streaming do país, que permite ouvir livros em qualquer hora ou lugar.

Além de economizar peso na bagagem, já que não precisa levar (ou escolher) o livro físico, outra vantagem é que para desfrutar de um audiolivro não é preciso internet, basta baixá-lo no smartphone ou tablet e ouvi-lo no aeroporto, na beira da piscina ou na praia, por exemplo. E, por não precisar de conexão, mesmo naqueles momentos em que não se pode contar com a internet para se distrair – como durante os voos -, dá para continuar se divertindo com o audiolivro durante a viagem.

Entre as opções de audiolivros é possível encontrar variadas categorias – culinária, moda, literatura clássica, economia, material de apoio para quem está estudando para prestar um concurso, autoajuda, infanto-juvenil, empresas e negócios, humor, gastronomia, beleza e saúde, esportes, por exemplo – que vão dos bestsellers atuais aos já consagrados clássicos.

As obras na audioteca do Ubook são preparadas na própria empresa, sendo a leitura dos livros feita por profissionais, com qualidade de som e dicção perfeitas. Os narradores são atores e locutores ou, em alguns casos, o próprio autor dá voz aos seus livros. Além disso, a narração de muitos audiolivros conta com a voz de diversos artistas conhecidos pelo público em geral. O livro “1822”, por exemplo, é narrado por Pedro Bial. O ator Bruno Mazzeo, foi o convidado para narrar “As mentiras que os homens contam”, de Luís Fernando Veríssimo; e Paulo Betti emprestou sua voz em “O selvagem da ópera”, de Rubem Fonseca. Em alguns casos, os próprios autores são convidados para esse trabalho, como Nelson Motta, de “Vale tudo”, biografia do Tim Maia e de “1789” narrado pelo jornalista Pedro Dória. Sem dúvida, é uma experiência incrível para a imaginação!

A plataforma está disponível para Web, iOs e Android. Basta entrar na AppleStore ou no GooglePlay para baixar o aplicativo. Ao fazer o cadastro, o usuário já pode escolher um livro e apertar o PLAY para começar a ouvi-lo. Caso o usuário precise interromper a audição, é possível depois continuar de onde parou. O aplicativo também aceita que o usuário marque trechos ou grave comentários sobre eles. Todas estas facilidades são oferecidas pelo Ubook a partir de R$ 4,99 por semana ou R$ 18,90 por mês.

O Ubook conta com cerca de mil obras no acervo. A cada mês, 25 novos títulos são acrescentados. “A ideia é manter um catálogo enxuto, girando entre 1,5 mil e 2 mil livros, sempre novos. A permanência de uma obra nos nossos arquivos dependerá da aceitação e procura do público por aquele material”, explica Flavio Osso, CEO do Ubook.

A empresa tem parceria com as operadoras Tim, Claro e Oi que oferecem uma plataforma direcionada para seus clientes. Com estas operadoras, o Ubook firmou o acordo de carrier billing, isto é, para os clientes delas a cobrança do serviço pode ser feita direto na conta telefônica.

Sobre o Ubook:

Lançado no início de outubro de 2014, o Ubook é o primeiro serviço de assinatura de audiolivros por streaming do Brasil. Ele funciona como o Netflix para vídeos ou o Spotify ou Rdio para música: por um valor mensal, ou semanal, é possível ter acesso ilimitado a todo o catálogo através de um aplicativo.

Atualmente, a plataforma está disponível para Web, iOs e Android. O Ubook conta com catálogo entre 800 e mil audiolivros e, a cada mês, 25 novos títulos são acrescentados.

Toda a produção e gravação do áudio acontecem nos estúdios do Ubook, com dubladores, locutores, atores e, por vezes, com vozes até mesmo dos próprios autores.

Com cinco meses no mercado, o Ubook já tem cerca de 300 mil assinantes. O objetivo é superar 1,5 milhão de assinantes dentro de um ano. Para 2015, a empresa planeja exportar seus serviços para outros mercados da América Latina. Para saber mais acesse: www.ubook.com.br

Source:: Revista Pelo Mundo – Pelo Trade

Compartilhe:

Apoiadores
©2018 Rent My Brain
Desenvolvido por SIXSIDED