Segunda-feira, 12 de Novembro de 2018
Feiras & Eventos
Evento internacional na área de estatística e probabilidade acontece em julho no Brasil
Imagem do Artigo: Evento internacional na área de estatística e probabilidade acontece em julho no Brasil
Proporcionar maior interação entre pesquisadores, docentes, estudantes de graduação e pós-graduação de instituições brasileiras e do exterior. Esse é um dos objetivos do 37° International Workshop on Bayesian Inference and Maximum Entropy Methods in Science and Engineering (MaxEnt), que acontecerá de 9 a 14 de julho em Jarinu, no interior de São Paulo.
O evento contribui para o desenvolvimento das pesquisas na área, apresentando novas técnicas e aplicações dos métodos Bayesianos e de Máxima Entropia. Durante os seis dias do workshop, os participantes assistirão a nove palestras, quatro tutorias, oito sessões de apresentação oral de trabalhos e uma sessão de pôster. As inscrições, que variam de R$ 200 a R$ 650, devem ser realizadas no site do evento: icmc.usp.br/e/7e2c4.
Esta é a segunda vez que o Brasil sedia a iniciativa, que ocorreu no país em 2008. Entre os assuntos que serão debatidos estão aplicações em diversos campos científicos tal como na astronomia e na astrofísica para a exploração de exoplanetas, na construção de modelos em computação voltados à análise de grandes bancos de dados (Big Data) e no estudo da evolução da linguagem ao longo do tempo.
“Se um grupo de linguagens deriva das mudanças de uma linguagem ancestral comum, então, elas devem estar relacionadas. No entanto, existe uma falta de registro escrito dessa linguagem ancestral. Por isso, uma questão relevante no campo da linguística histórica é determinar quando duas linguagens estão relacionadas”, explica o professor Rafael Bassi Stern, da Universidade Federal de São Carlos (UFSCar). Ele vai ministrar um tutorial sobre o assunto, em que apresentará um modelo para inferir a evolução da fonologia das linguagens, o qual é capaz de capturar a regularidade das mudanças nos sons.
O workshop é organizado pelo Grupo de Estatística Indutiva (GIS) da UFSCar e conta com o apoio de diversas instituições brasileiras, entre elas estão: o Departamento de Estatística da UFSCar; o Instituto de Matemática e Estatística (IME) da USP; o Instituto de Ciências Matemáticas e de Computação (ICMC) da USP, em São Carlos; a Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo (FAPESP); o Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq); a Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (Capes); e o Centro de Ciências Matemáticas Aplicadas à Indústria (CeMEAI).

Compartilhe:

Apoiadores
©2018 Rent My Brain
Desenvolvido por SIXSIDED