Quarta-feira, 18 de Julho de 2018
Trade
Ministro Vinícius Lages destaca a importância da internet para o crescimento do turismo
Imagem do Artigo: Ministro Vinícius Lages destaca a importância da internet para o crescimento do turismo

O ministro do Turismo, Vinicius Lages, falou nesta terça-feira (25) sobre a importância do uso da internet como fonte de informação para viajantes. Segundo Lages, a rede está presente em todas as etapas do ciclo de viagem: do desejo de conhecer um destino, às reservas de hotéis, avaliações em redes sociais e compartilhamento da experiência com amigos.

Lages destacou as mudanças que a internet provocou nas empresas de turismo. “Estar no universo virtual se tornou essencial para o bom posicionamento de qualquer companhia”, disse. Uma pesquisa do Ministério do Turismo mostra que 68% dos turistas estrangeiros que visitaram o Brasil durante a Copa do Mundo tiveram a internet como fonte de informação.

De acordo o ministro, a importância da rede tem levado o ministério a investir na reformulação do portal, na tentativa de criar uma plataforma de interação com blogs e outros tipos de mídias sociais. As declarações foram dadas durante uma videoconferência online que tratou da importância da informação de qualidade para a experiência turística.

O bate-papo também contou com a participação do porta-voz do TripAdvisor no Brasil, Renan Rubert; do diretor do site Melhores Destinos, Leonardo Marques; do jornalista Dilson Branco, diretor editorial da Editora MOL, responsável pela publicação recente do livro Eu Amo Viajar e de internautas que acompanharam ao vivo.

De acordo com Renan Rubert, do TripAdvisor, 86% dos usuários procuram por fotos de destinos tiradas por outros usuários. Além disso, 45% dos viajantes evitam comer em restaurantes que não têm nenhuma avaliação nas redes sociais.

As promoções de pacotes anunciadas na internet, em muitos casos, são a principal causa da escolha de um determinado destino. De acordo com Leonardo Marques, do Melhores Destinos, 57% dos visitantes do site já fizeram pelo menos uma viagem não programada porque acharam o preço atraente.

Para Dilson Branco, editor do livro “Eu Amo Viajar”, ao se deparar com relatos de viagem, o leitor toma contato com a experiência do outro e pode aumentar o desejo de viajar. “A partir das histórias de outras pessoas, o leitor pode ter ideias para diversos tipos de viagem”, disse. A videoconferência está disponível no canal do MTur no You Tube.

Compartilhe:

Apoiadores
©2018 Rent My Brain
Desenvolvido por SIXSIDED