Terça-feira, 16 de Outubro de 2018
Trade
Pesquisa revela o que mais irrita o viajante brasileiro?
Imagem do Artigo: Pesquisa revela o que mais irrita o viajante brasileiro?

Viajar é uma experiência incrível. Mas, às vezes, pequenos inconvenientes podem atrapalhar momentos que tinham tudo para ser perfeitos, como o comportamento inadequado de outros passageiros ou as normas irritantes impostas por alguns hotéis. O buscador de viagens KAYAK (www.kayak.com.br) conduziu uma pesquisa com seus usuários em vários países com o objetivo de entender melhor as preferências e aversões dos viajantes e encontrar soluções para ajudá-los a aproveitar ainda mais as suas viagens.

Segundo a pesquisa, o que deixa os brasileiros mais irritados em viagens aéreas são os passageiros que se levantam e tentam sair do avião logo após a aterrissagem: 30% disseram se incomodar com isso. Os impacientes também foram apontados como motivo de aborrecimento por 17% dos participantes, que não gostam quando as pessoas já começam a fazer fila quando ainda falta meia hora para o embarque. Outros 17% se queixaram de pessoas que ocupam a frente da esteira de bagagem, talvez achando que assim farão suas malas chegarem mais rápido. A dica do KAYAK é simplesmente relaxar e aguardar a hora certa de embarcar, desembarcar ou pegar a bagagem, sem se estressar com os outros passageiros.

Quando o assunto é hospedagem, o campeão de reclamações entre os brasileiros é quando o hotel só permite fazer o check-in mais tarde: 38% dos usuários consideram isso especialmente irritante, já que às vezes chegam ao destino pela manhã e precisam esperar até depois do almoço para poder entrar no quarto. O KAYAK aconselha o hóspede a enviar um e-mail ao hotel e pedir por um check-in mais cedo, o que muitas vezes é possível. Em segundo lugar, com 29%, ficou o preço geralmente exorbitante dos itens no frigobar: quem nunca se perguntou como pode uma simples latinha de refrigerante custar R$ 8,00?

Confira o resultado completo da pesquisa entre os usuários brasileiros:


É interessante comparar as queixas dos brasileiros com as dos usuários de outros países. Para 24% dos italianos, por exemplo, o que mais irrita em uma viagem aérea são aquelas pessoas que aplaudem quando o avião pousa – no Brasil, apenas 4% disseram se aborrecer com isso. Já entre os russos, 36% acham ruim quando precisam pegar um ônibus para embarcar ou desembarcar, contra 13% dos brasileiros.

“Para o KAYAK, é importante sempre estar atento às tendências de viagem e entender o que os usuários mais gostam e menos gostam, para oferecer soluções inteligentes que simplifiquem a vida dos viajantes”, diz Nicolas Scafuro, diretor do KAYAK para a América Latina. “Pesquisas como esta permitem não apenas descobrir mais sobre as preferências dos usuários, mas também notar as semelhanças e diferenças entre os brasileiros e os viajantes de outros países.”

obs.: Análise feita com base em pesquisa conduzida no KAYAK em março de 2015, com 4.010 participantes da Alemanha, Áustria, Brasil, Espanha, França, Itália, Polônia, Rússia, Suíça e Brasil.

Source:: Revista Pelo Mundo – Pelo Trade

Compartilhe:

Apoiadores
©2018 Rent My Brain
Desenvolvido por SIXSIDED