Terça-feira, 23 de Outubro de 2018
Destinos
Turismo do México lança plano de crescimento de três anos para a China, Coreia e Japão
Imagem do Artigo: Turismo do México lança plano de crescimento de três anos para a China, Coreia e Japão
O Conselho de Promoção Turística do México anunciou recentemente planos para desenvolver o crescimento estratégico e atrair turistas da China, Coréia e Japão. Trabalhando com estreita colaboração de parceiros regionais e locais de mercado, o programa vai se concentrar na expansão da conectividade aérea, no fortalecimento de parcerias da indústria, na mostra de produtos de turismo, no aumento do número de promoções especiais e programas de metas de consumo.

Até o presente momento, a indústria global de turismo do México está crescendo mais rápido do que a média global. Enquanto a indústria mundial cresceu a 5,3%, como em abril de 2016, de acordo com a Organização Mundial de Turismo, o México cresceu 8,7% e as chegadas aéreas alcançaram 10,8% de crescimento. Em uma recente visita à região, a CEO do Conselho de Promoção Turística do México, Lourdes Berho, falou com os líderes da indústria e da mídia em Pequim, Seul e Tóquio, onde ela compartilhou sua visão sobre como a iniciativa do projeto de crescimento de três anos ajuda no desenvolvimento de ofertas de cunho turístico e cultural atraentes, com base em semelhanças entre os mercados locais e o México. Até agora os mercados da Ásia estão crescendo a um ritmo acelerado, o que representa um crescimento global total de 22,3% (acumulado no ano até julho).

“É importante que trabalhemos em conjunto para desenvolver os produtos certos para atrair visitantes para o México”, afirma Berho. “Antigas civilizações, línguas, arquitetura, tradições e gastronomia única – além das mais modernas e luxuosas ofertas turísticas são elementos que fazem do México e da região um importante conjunto.”

Mercado Local, Insights e Estratégia

O Japão é atualmente o líder de mercado na Ásia. Os visitantes japoneses no México cresceram de forma constante desde 2013; esse ano de 2016 tem visto um impressionante aumento de 14,3% em comparação com o mesmo período de 2015. Os principais destinos para os visitantes japoneses incluem Cidade do México, Cancun, Leon e Guanajuato. Atualmente, existem cinco voos semanais diretos entre Tóquio e Cidade do México, além de acesso a mais de 25 destinos no México por meio de conexões nos EUA ou no Canadá. Tendo definido a meta de alcançar 200 mil visitantes japoneses anuais até 2020, o Conselho de Promoção Turística do México planeja implementar um programa de promoção institucional, bem como reforçar as sinergias com a indústria e expandir a conexão aérea com o Japão.

A Coreia viu um aumento de 28,5% em 2015 contra 2014; especialmente para Cancun, Riviera Maya, Cidade do México e Monterrey. Os visitantes provenientes da Coreia chegam principalmente através de conexões aéreas nos EUA e no Canadá, dando-lhes acesso a 11 aeroportos mexicanos. Até 2020, espera-se que se alcance a meta de 250 mil visitantes coreanos no México. Isto será realizado por meio da expansão de conectividade (incluindo voos diretos), expansão de parcerias com a indústria e ofertas promocionais, bem como aproveitando cada vez mais os laços comerciais e econômicos entre Coreia e México.

Até o mês de julho deste ano, o México recebeu mais de 40 mil visitantes chineses; um aumento de 39% em elação a 2015. Os destinos mais importantes para a China incluem Cidade do México, Cancun, Riviera Maya, Tijuana, Guadalajara e Monterrey. A conectividade de companhias aéreas entre os dois países inclui três voos diretos por semana entre Xangai e Cidade do México, além de acesso a mais de 25 destinos no México por meio de conexões nos EUA e Canadá. O Conselho de Promoção Turística do México planeja aumentar o número de visitantes chineses para 250 mil por ano até 2020, por meio da execução de estratégias que simplifiquem a viagem para o México. Isso inclui aumentar a oferta de voos diretos, promover a facilidade de imigração, aumentar o conhecimento e interesse sobre o México e seus principais destinos, além de expandir parcerias comerciais com os líderes de negócios e da indústria.

 Incríveis ofertas de produtos

O México tem uma fantástica gama de ofertas atraentes para o consumidor asiático. Enquanto o México tem mais de 14 mil quilômetros de costa e 450 praias reconhecidas internacionalmente, a sua oferta se estende muito além de sol e praia. Cultura com mais de 3 mil anos de história, uma das quais ainda está muito viva até hoje – a Cultura Maia, que deu à luz a 47 mil sítios arqueológicos em todo o país, bem como 111 Pueblos Mágicos, uma designação dada aos locais com a beleza cultural, histórica ou natural únicas. O México está em sexto lugar no mundo e é o número um na América Latina em termos de ‘Patrimônio Mundial  da Humanidade’ pela da UNESCO, e a gastronomia mexicana foi uma das primeiras duas cozinhas a ser nomeada um “Patrimônio Cultural Imaterial” também pela UNESCO em 2010.

As principais ofertas turísticas incluem luxo, golf, casamentos, mergulho, bem como reuniões e eventos. O México sempre foi conhecido por seu turismo de luxo e como um destino onde as celebridades viajam para relaxar. Nomeado Global Virtuoso Luxury Travel Group – que significa ser reconhecido como um dos destinos mais luxuosos do mundo. Profissionais e golfistas entusiastas podem desfrutar de mais de 175 campos de nível mundial concebidos por designers de golfe, incluindo Greg Norman, Tiger Woods e Jack Nicklaus. Os casamentos no destino continuam a ser uma tendência crescente entre casais, porque o México tem formas únicas para comemorar, variando de um casamento debaixo d’água até uma cerimônia maia tradicional.

O crescimento da indústria de reuniões e eventos é outra prioridade imediata, e a infraestrutura, conectividade e experiências do México trouxeram mais de 184 eventos globais e 266 mil reuniões em 2015. Rico em beleza natural, o país conta com as Ilhas Revillagigedo – conhecidas como a Galápagos mexicana – lugar ótimo para mergulho, recentemente classificado como Patrimônio Mundial Natural pela UNESCO.

Berho continua, “O México também está comprometido com a biodiversidade. Atualmente, o México representa pouco menos de 1% da área terrestre do mundo, e ainda é o lar de incríveis 12% da biodiversidade do planeta. O país possui 176 áreas protegidas e ocupa o segundo lugar com o maior número de ecossistemas naturais, quarto no maior número de espécies selvagens e lidera mundialmente em número de mamíferos. ”

Em dezembro de 2016, em Cancun, o México sediará a 13º Convenção Internacional Sobre a Diversidade Biológica (COP13), onde 10 mil delegados se reunirão para negociar e expandir compromissos que visam sustentar a biodiversidade, a nível mundial.

Chamando a atenção global

A Cidade do México tem ganhado atenção internacional e este ano foi reconhecida pelo The New York Times como o #1 spot sobre os “melhores lugares para ir em 2016”; e também foi nomeado como um dos “Top 5  Destinos de Viagem de 2016” de acordo com pesquisas do Google, conforme relatado pela Conde Nast Traveler.

Este ano, a Cidade do México sediará o Grande Prêmio de F1 pelo segundo ano consecutivo no Autódromo Hermanos Rodriguez. O lugar foi redesenhado para F1 e é a segunda pista mais rápida do mundo, depois Monza, na Itália. A premiação “Latin America’s 50 Best Restaurants” também foi sediada na Cidade do México em setembro e o México contou com nove restaurantes premiados na lista de em 2016.

“Estamos honrados com a comoção positiva em torno da Cidade do México”, explica Ms. Berho. “Queremos aproveitar esse impulso para continuar a partilhar as amplas e diversas atrações turísticas que todo o México pode oferecer a viajantes de todo o mundo.”

 

Compartilhe:

Apoiadores
©2018 Rent My Brain
Desenvolvido por SIXSIDED